Tudo que você precisa saber sobre transformação digital

transformação digital

Para alguns, pode parecer gasto desnecessário investir em transformação digital. Mas é importante perceber que essa já não é mais uma opção para as empresas. As organizações que mais faturam e que têm suas marcas fortalecidas no mercado, de alguma forma e em algum momento, implementaram a transformação digital em suas estruturas. Mas por que isso aconteceu?

A estratégia de transformação digital veio se conectar às modificações da atualidade, onde as pessoas estão cada vez mais acessando dispositivos eletrônicos para comprarem um produto ou solicitarem um serviço. Essa estratégia exige uma mudança radical nas empresas.

Quer saber mais sobre o assunto? Acompanhe este texto e conheça mais sobre o termo transformação digital, quais suas vantagens e como implementar na empresa. Também descubra quais são suas aplicações na sociedade. Confira!

O que é transformação digital?

Muitos acreditam que a transformação digital é apenas um processo de equipar a empresa com novas tecnologias. Mas na verdade, esse processo é muito mais intenso e envolve a mudança estrutural de toda organização.

Isso quer dizer que a transformação digital promove alterações nos processos da empresa, partindo do setor de atendimento, passando pela área de gestão de tomada de decisões e alcançando o setor de recursos humanos.

Nesses e outros departamentos da empresa, a transformação digital permite a digitalização de documentos, padronização e otimização de tarefas, armazenamento de informações, dentre outras modificações.

Por que investir em transformação digital?

Algumas empresas se apresentam relutantes em investir em transformação digital. Dentre elas pode haver a falsa impressão de que a equipe não vai se adaptar. E também pode existir a ideia de que são gastos desnecessários. Para tentar argumentar contra essas posturas, vamos a seguir conhecer alguns dos inacreditáveis motivos para investir nessa estratégia de revolução tecnológica na empresa.

Automatização de processos

Registrar dados manualmente, setores que quase não se comunicam, tarefas exaustivas…. Esse é o contexto das empresas que ainda não experimentaram a transformação digital. Isso porque uma das vantagens dessa estratégia é a automatização de processos.

Isso quer dizer que a transformação digital permite substituir atividades manuais e muitas vezes burocráticas por fluxos de trabalhos executados por softwares ou equipamentos inteligentes. Como resultado disso, é possível que haja um controle mais eficiente sobre as ações, que os colaboradores gastem mais tempo com atividades gerenciais e haja otimização das tarefas da empresa. 

Redução de custos

Uma empresa que tem o objetivo de reduzir os custos precisa imediatamente adotar uma estratégia de transformação digital. Isso porque a longo prazo, é possível “enxugar” a infraestrutura da empresa.

Por exemplo, a adoção do cloud computing ajuda a reduzir os custos operacionais com infraestrutura de gestão da informação local. Ou seja, não é preciso gastar com a manutenção de arquivos físicos.

Além disso, por oferecer serviços em nuvem, o cloud computing ajuda a reduzir os gastos com realização de reuniões e viagens, volume de impressões, dentre outros fatores.

Sem contar que também é possível fazer uma redução dos gastos da infraestrutura geral da empresa. Por exemplo, adotando equipamentos mais modernos e inteligentes é possível ter redução no consumo de energia elétrica e gastos extras com manutenção de equipamentos que frequentemente dão defeito.

Como a transformação digital melhora a experiência do cliente?

Um bom relacionamento com o cliente é algo essencial para o sucesso de qualquer negócio. E para isso, a transformação digital pode ajudar bastante, valorizando a experiência do consumidor.

Por exemplo, esse processo tecnológico permite usar dados para conhecer mais a fundo o público-alvo. Isso pode ser feito por meio de análise de banco de dados de informações fornecidas pelos clientes.

Realizando o estudo detalhado, vai ser possível verificar quais são as preferências e desejos do cliente. Esses dados ajudam a melhorar as interações e gerar insights de oportunidades para as estratégias da empresa.

O que fazer para implementar uma transformação digital?

Diante dos benefícios apregoados pela transformação digital, pode parecer fácil implementar essa estratégia. Mas na verdade, é preciso fazer um vasto planejamento para poder adquirir os equipamentos e adotar as táticas corretas, evitando o desperdício de tempo e dinheiro. Saiba a seguir quais os principais passos para adotar essa transformação na empresa.

Tenha uma estratégia e coloque-a em prática

Muitas empresas têm a intenção de melhorar a experiência do cliente. No entanto, elas não estão sabendo como agir. O primeiro passo é realizar uma estratégia com objetivos práticos. Para isso, inicialmente, a empresa deve rever a sua estratégia digital.

Isso quer dizer que ela deve realizar um levantamento sobre como quais práticas tecnológicas têm sido adotadas. Em seguida, vale a pena comparar com o que tem sido feito no mercado. Por exemplo, analisar como a concorrência tem utilizado as tecnologias de interação com o consumidor.

Por exemplo, as empresas rivais estão utilizando uma estratégia digital mais avançada e enquanto que a empresa apenas faz atendimento por telefone? Esse tipo de avaliação deve ser feito.

Após isso, é fundamental que a empresa monte um cronograma a fim de listar quais são as ações necessárias para realizar transformação digital na organização.

Nesse processo, pode-se exigir investimento em novos equipamentos e até mesmo contratação de especialistas para desenvolver esse plano. O importante é que seja adotada uma estratégia e que ela seja colocada em prática.

Implemente a experiência omnichannel

Hoje em dia, as empresas apresentam muitos canais de atendimento com o cliente para entregar uma experiência multicanal. Com o passar dos anos esse número de canais tem aumentado, o que coloca como grande desafio para as empresas oferecer uma gestão integrada e completa em seus canais.

Quem pode ajudar nisso é a experiência omnichannel. Trata-se da utilização de todos os canais possíveis em que uma empresa pode atuar para atender o público. Isso faz com que a empresa se coloque de maneira próxima e acessível em qualquer momento e em várias plataformas.

Na prática, as plataformas omnichannel fazem com que o cliente seja atendido tanto pelo telefone, site, chatbots ou aplicativo de celular. E esse atendimento é personalizado, respeitando as abordagens específicas para cada canal.

Uma outra vantagem da experiência omnichannel é a facilidade de capturar dados de clientes em potencial. O objetivo dessa captura é aproximar a relação entre empresa e seu público e isso pode ser feito quando o usuário responde ao envio de mensagens, cupons de desconto ou aviso de promoções da empresa.

Também é importante destacar que a experiência omnichannel aumenta a retenção de clientes via atendimento digital. Isso porque, seja por e-mail ou site, o cliente tem condições de acessar os canais para ficar mais próximo da empresa. Dessa forma, o usuário se sente mais confiante na empresa, o que facilita no processo de fidelização de clientes.

Torne as máquinas como parceiras dos agentes

Muitos colaboradores, principalmente no início da implementação de uma estratégia de transformação digital, acabam se sentindo ansiosos e temerosos com a adaptação. Isso porque pode ser que eles acreditam que não vão conseguir aprender todas as habilidades necessárias para poder conduzir seu trabalho com ajuda das máquinas.

Essa impressão deve ser modificada na empresa. Isso porque a estrutura tecnológica é parceira dos colaboradores e pode facilitar muito o trabalho desenvolvido. Dessa forma, é importante que haja um treinamento da equipe para que eles consigam perceber a mudança do seu papel na empresa diante desse novo cenário.

A equipe também deve aprender a visualizar os pontos fortes e compensar pelas limitações de cada um no uso das tecnologias.

Essa abordagem é interessante também para que as empresas observem que nem sempre uma máquina vai satisfazer as necessidades de atendimento de um cliente. Por isso, é importante ter um atendimento humanizado, capaz de entender as complexidades humanas e tratar o cliente de forma empática, segura e confortável.

Quais os impactos da transformação digital na sociedade?

A tecnologia está tão impregnada na vida atual que às vezes é difícil delinear sua presença. À primeira vista, ficamos apenas com a impressão que ela atua para nos oferecer equipamentos mais modernos, como smartphones ou internet. No entanto, a transformação digital vai mais a fundo, assumindo setores importantes da sociedade. Veja mais a seguir.

Alterações no ambiente do trabalho

A transformação digital pode trazer vários benefícios para o ambiente de trabalho, por exemplo, aumentando a produtividade dos colaboradores. Por meio da utilização de softwares de planejamento de rotina de trabalho torna-se possível organizar cronogramas, registrar responsabilidades e enviar lembretes.

Esses softwares trazem como vantagem a redução de risco de se cometer erros, ocorrer atrasos e perda de prazos de entrega de tarefas.

Eles, além de ajudar os colaboradores a serem mais produtivos, fazem com que a empresa tenha maior clareza e controle sobre a quem as tarefas foram atribuídas e qual o status de andamento das mesmas, facilitando na gestão de projetos.

Transformação digital na área de saúde

Algumas tecnologias já estão adentrando no campo da saúde. Inclusive, cunhou-se um termo, parecido com proposta do SAC 4.0, o Saúde 4.0. Consiste na implementação de ferramentas tecnológicas para auxiliar na previsão, diagnóstico e tratamento de doenças, como também na otimização dos processos internos das instituições de saúde. A seguir vamos conhecer algumas dessas aplicações. 

Software de gestão

Toda instituição de saúde exige uma rotina de trabalho que deve ser eficiente. Afinal, quanto o assunto é saúde, a espera pode ser fatal. Nesse sentido, um software de gestão pode automatizar os processos, deixar os trabalhos mais ágeis e diminuir erros.

Eles também ajudam a centralizar os dados, mantendo-os armazenados na nuvem. Assim, as informações, como exames e histórico do paciente, podemos ser acessadas em qualquer local da instituição.

Biometria

A biometria é uma ferramenta bastante utilizada para garantir a segurança na área da saúde. Ela é utilizada para garantir que o acesso de prontuários médicos não sejam feitos por pessoas não autorizadas. Dessa forma, a biometria garante que os dados dos pacientes sejam mais privativos.

Cloud computing

Ainda falando sobre segurança de dados, uma das vantagens da tecnologia digital é o cloud computing. Ele permite que as informações do paciente sejam armazenadas na nuvem e com isso podem ser acessadas em tempo real.

Além disso, os dados são criptografados, o que garante maior privacidade. Como consequência disso, também o cloud computing faz com que se reduza o arquivo físico das instituições de saúde, uma vez que não há mais necessidade de impressões e formar montantes de papéis em arquivos. 

Modificações na área de segurança

Na área de segurança, a transformação digital trouxe grande desenvolvimento, principalmente para as residências. Hoje em dia, é possível encontrar uma variedade de equipamentos que mantém determinada área protegida e ao mesmo tempo monitorada em tempo integral.

Dessa maneira, o usuário pode acompanhar a entrada e saída de pessoas da sua residência a qualquer momento e em qualquer lugar. Veja a seguir algumas das tecnologias para a área de segurança residencial.

Alarme sonoro

Se uma casa estiver sendo invadida, o alarme sonoro pode ser uma ferramenta que ajuda tanto a espantar o invasor quanto avisar o morador e vizinhos sobre essa situação. O alarme sonoro atualmente pode ser encontrado com alta tecnologia, sendo formado por sensores instalados em portas e janelas.

Esses sensores enviam sinal para uma central de segurança que toma providências para a chamada da polícia. Esses equipamentos sonoros também funcionam por meio de luzes infravermelhas que conseguem identificar movimentações suspeitas. 

Acesso por biometria

Em um maior grau de complexidade das tecnologias para a segurança residencial está o acesso por biometria. Os equipamentos que têm essa tecnologia conseguem trancar e destrancar a partir de informação fornecida pelo organismo do usuário.

Por exemplo, para acessar à residência, o equipamento faz a leitura das digitais, do rosto ou da retina dos olhos do morador. Esses detalhes fazem com que esse sistema seja extremamento seguro.

Essas foram algumas informações sobre transformação digital. É importante destacar que buscar uma consultoria especializada pode garantir o sucesso dessa estratégia. É com alguém que tem experiência nessa área que vai ser possível avaliar o perfil das empresas, as deficiências que precisam ser sanadas e a avaliação dos resultados a curto, médio e longo prazo.

Quer receber diretamente em seu e-mail mais novidades sobre o setor de tecnologia? Assine a nossa newsletter!

Compartilhe este conteúdo:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Veja também: