Guia completo de como fazer a gestão da equipe corretamente!

gestão de equipe

Realizar a gestão de equipe de uma forma eficiente vai além de apontar responsabilidades e delegar tarefas para as pessoas. Afinal, o líder é alguém fundamental para a produtividade dos colaboradores e o crescimento da empresa.

Para cumprir essa missão, é preciso cultivar uma série de habilidades técnicas, interpessoais e organizacionais, estar preparado para vários desafios que, com certeza, você deve enfrentar à frente de um time.

Para ajudar você a cumprir essa missão com excelência e alcançar seus objetivos, criamos este guia completo. Reunimos informações fundamentais e dicas de gestão de equipe que vão levar o seu gerenciamento a outro nível. Boa leitura!

A importância da boa gestão da equipe

O gerenciamento de equipes deixou de ser uma responsabilidade do RH para se tornar algo sob a tutela de toda a empresa, devido à sua importância para as organizações.

Por conta disso, muitas empresas vêm buscando melhorar a sua gestão de equipes, investindo em ações que acreditam ser capazes de formar líderes internos, preparados para lidar com os desafios do novo modelo de gerenciamento, gerando produtividade e engajamento dos colaboradores.

Permitir que pessoas diferentes trabalhem de forma integrada em uma equipe pode trazer uma série de benefícios para o negócio. Os resultados alcançados deixam de ser a soma de esforços individuais para se tornarem um esforço combinado, e mais poderoso, de colaboração.

Claro que, a medida de sucesso é algo diferente para cada equipe, afinal, cada time tem uma determinada responsabilidade dentro de uma empresa. O departamento de criação de uma agência, por exemplo, é diferente do time de vendas de uma multinacional.

Por conta disso, criar uma metodologia única para lidar com os desafios da gestão, por si só, já é um grande obstáculo. Não existe uma regra única que possa ser aplicada e replicada para as mais diversas equipes.

É nesse contexto que a figura do gerente, líder, se destaca. É esse profissional que tem o papel de orientar a equipe de sucesso e atingir os objetivos esperados. Mesmo que não haja uma regra fixa sobre como realizar a gestão, é possível cultivar características e seguir determinadas princípios que podem auxiliar nessa jornada.

Lembre-se de que a gestão de equipes não se trata apenas de repassar prazos e exigir resultados, mas orientar cada membro do time e saber tirar proveito, da melhor forma possível, das habilidades que cada um possui.

As habilidades do bom gestor

Antes mesmo de olhar para os seus liderados, o gerente deve analisar a si mesmo, pois para assumir o papel de líder, é preciso contar com algumas características essenciais.

É fato que nem todos nós nascemos prontos para liderar, por conta disso, as habilidades com as quais você não conte hoje, pode começar a buscar desenvolver para melhorar ainda mais na gestão de pessoas.

Automotivação

Você já deve ter ouvido a máxima ─ “O líder lidera pelo exemplo” ─ pois bem, isso é uma verdade, e para que você possa lidar com pessoas motivadas, é preciso que você mesmo seja capaz de manter a sua motivação, mesmo diante de situações adversas.

Ser capaz de demonstrar vontade e paixão pelo trabalho todos os dias, faça chuva ou faça sol, é um grande diferencial para qualquer gestor e uma motivação genuína é capaz de contagiar todos os colaboradores ao seu redor.

O bom gestor é otimista, sem deixar se abalar pelo ambiente e situações, mostrando um comprometimento que vai além de apenas receber um salário, mas é movido pela paixão pelo que faz.

Capacidade de dar e receber feedbacks

O feedback é uma ferramenta fundamental para moldar o time e deve ser utilizada com frequência e sabedoria. Não basta apenas apontar defeitos nos colaboradores e realizar críticas. É preciso mostrar pontos positivos e negativos, também demonstrando como o colaborador pode buscar melhorar seus defeitos e concertar seus erros.

O principal objetivo não é criticar o trabalho do colaborador, mas sim, visar o seu aprendizado, para que ele se torne cada vez melhor no que faz e um membro valioso para o time. Além disso, uma comunicação transparente faz com que o time se sinta valorizado e acompanhado.

Proatividade

Você é o líder do time, então a responsabilidade esta sobre os seus ombros e todos os membros da equipe esperam que você possa agir quando necessário.

Isso vai além de apenas buscar um aumento ou correr atrás de uma promoção. O líder está sempre de olho em novas oportunidades, informações que possam ser úteis e tomando decisões na hora em que elas forem necessárias.

Um gestor eficiente e proativo impacta diretamente no comportamento dos colaboradores, que tendem a produzir mais.

Maturidade profissional

O verdadeiro líder deve estar comprometido com a equipe, os valores da organização e o sucesso dos projetos. Aqueles que se preocupam primeiro com as suas carreiras tendem a não serem bem vistos pelos membros do time.

É claro que a sua carreira é importante e deve estar em suas preocupações, mas quando se é um bom líder, os resultados vêm naturalmente e o reconhecimento vem com ele, sem a necessidade de se preocupar e colocar seus anseios antes da responsabilidade com o time.

Além disso, a maturidade profissional é uma habilidade fundamental para a resolução de conflitos, algo comum dentro de qualquer equipe e que demanda imparcialidade e profissionalismo.

Aptidão para planejamento

Por fim, temos uma habilidade técnica, que é a aptidão para lidar com o planejamento em si. Ser capaz de gerenciar tarefas, verificar e admitir novos membros para o time, solucionar conflitos internos é fundamental para satisfazer as demandas do trabalho.

Além disso, um bom planejamento sempre deve levar em conta as estratégias, metas e objetivos da empresa.

As dicas para realizar uma gestão corretamente

Agora que você já sabe a importância da gestão e as habilidades necessárias para o gestor, está na hora de verificarmos algumas dicas que podem auxiliar você a alcançar o sucesso no gerenciamento de seu time.

Ser um bom líder

A primeira delas é ser um bom líder, desenvolvendo as suas habilidades e sempre estando disposto a aprender um pouco mais, assim como você já está fazendo ao ler este post. Como gestor, o seu comportamento e as suas ações terão um impacto muito maior sobre o time do que as suas palavras.

Por exemplo, imagine que você convoca uma reunião e avisa a todos que a partir de agora, precisarão fazer horas extras todos os dias para cumprir com um prazo, porém, durante esse período, você sai no horário.

Da mesma maneira, um gestor que chega atrasado todos os dias não tem credibilidade para cobrar pontualidade dos seu liderados. O bom líder influencia pelas suas ações.

Montar uma boa equipe

Você sabe qual a melhor maneira de garantir o sucesso de uma equipe, contratando bons profissionais. É verdade que na maioria das vezes, o gestor já assume um time em andamento, porém, dali em diante, as contratações são sua responsabilidade.

Para que uma equipe tenha sucesso, é preciso que ela conte com profissionais que se complementem em suas capacidades e habilidades, sendo papel do gestor identificar quais são as suas demandas de contratação, evitando lacunas de habilidade no time.

Manter um bom clima organizacional

Com o tempo, após assumir a liderança, o gestor passa a conhecer muito bem os colaboradores, a ponto de identificar de forma fácil quando algo não está bem.

Um membro do time que esteja passando por alguma situação adversa, seja no relacionamento com os demais, seja em sua vida pessoal, pode ter um impacto negativo geral no clima organizacional.

Por mais que o problema seja de cunho pessoal, sempre é possível analisar, se preocupar, e, na medida do possível, oferecer ajuda. Esse tipo de gesto, humano e de empatia, tem um grande impacto positivo para os colaboradores, pois eles deixam de se sentir apenas um número para a empresa.

Estimular o debate de ideias

Todo e qualquer colaborador sempre pode ter alguma ideia e sugestão interessante para o andamento das tarefas do time, formas de melhorar os processos ou até mesmo novas formas de realizar uma atividade.

Porém, é comum que essas ideias não venham a tona por eles não se sentirem seguros em compartilhar, ou, acharem que suas sugestões nem serão levadas em consideração.

É fundamental criar um ambiente de debate de ideias, onde todos possam se sentir livres para compartilhar o que acham de alguma decisão e também trazer propostas que possam agregar valor ao trabalho.

Reconhecer esforços

O reconhecimento pode ser uma ferramenta poderosa dentro da gestão de equipes, afinal, o ser humano sempre busca afirmação dentro do grupo ao qual pertence.

Além disso, a falta de reconhecimento por boas atitudes e um bom trabalho realizado pode levar ao engessamento das atividades, afinal, ninguém fará nada além do que tem de fazer se não existe uma recompensa para isso.

Não é necessário montar uma grande festa e distribuir certificados de bom funcionário, na realidade, um elogio em uma reunião já pode ser muito motivador, desde que, o bom trabalho seja reconhecido.

Manter uma comunicação efetiva

A comunicação entre os membros do time é essencial para que exista o trabalho colaborativo, porém, nem sempre ela flui de forma natural, sendo necessário que o gestor estimulo esse tipo de interação entre o time.

Quando todos estão trabalhando em sinergia, comunicando-se com eficiência, temos o real sucesso e o alcance da produtividade dentro do time.

Para que isso funcione da maneira correta, é preciso certificar-se de que a estrutura de comando esteja clara, sendo que cada colaborador sabe para quem deve se dirigir acerca de cada assunto.

Hoje o mercado tem diversas ferramentas tecnológicas que auxiliam na hora de manter uma boa comunicação interna eficiente. Como as ferramentas omnichannel. Um exemplo muito interessante é o Nexus, que facilita o atendimento ao cliente.

Ofereça feedbacks constantes

Todo bom gestor deve manter uma forma de mostrar aos seus liderados quais são as suas forças e fraquezas, onde eles estão errado e onde poderiam melhorar, algo que realmente reflita em sua produtividade.

A ferramenta utilizada para isso é o feedback, sendo necessário estabelecer algo individual, no qual serão discutidas as habilidades de cada colaborador, e também algo coletivo, para que a equipe possa melhorar a sua harmonia.

Estabeleça metas claras para todo o time

Por fim, toda equipe precisa de um norte para guiar as suas ações e, por conta disso, torna-se também necessário o estabelecimento de metas claras e objetivos bem definidos a serem alcançados.

No geral, toda empresa já conta com metas e objetivos definidos no planejamento estratégico, no entanto, também podemos criar algo voltado para a equipe, na questão de produtividade, desempenho e eficiência.

Isso pode servir até mesmo como um incentivo, estimular uma competição saudável e garantir melhores resultados como um todo. Além disso, pode-se criar também metas individuais de controle, para que os próprios colaboradores entendem o seu processo evolutivo como profissionais.

Os benefícios de uma boa gestão de equipe

Existem vários benefícios na busca por uma gestão de equipe eficiente, sendo que a empresa tem muito a ganhar ao investir nessa estratégia. Entre os principais pontos podemos destacar.

Produtividade

O principal ponto observado ao criar uma boa gestão de equipes é o aumento do seu desempenho geral e motivação no cumprimento das atividades.

Uma equipe forte e unida sempre foca no trabalho coletivo, que tem um rendimento muito melhor do que esforços individuais, além de trazer um motor criativo muito maior também.

Engajamento

Funcionários motivados são funcionários que engajam, vestem a camisa da empresa e se sentem parte de algo maior. Dessa forma, eles não medem esforços para auxiliar a empresa a crescer, pois acreditam que isso fará com que eles cresçam também.

Relações de trabalho

Por fim, podemos destacar a significativa melhoria da qualidade de vida e das relações de trabalho dentro da empresa.

Quando todos se complementam e se preocupam um com o outro, fica mais fácil vencer os desafios do dia a dia e o estresse no local de trabalho é diminuído.

O impacto da gestão de equipe no resultado do negócio

É de conhecimento geral que, conforme a tecnologia avança e a transformação digital cria novos nichos e possibilidades, o mercado se torna mais competitivo, exigindo que as empresas se tornam mais e mais eficientes para se manter em atividade e desenvolvimento.

A boa gestão do time traz motivação e fidelização dos colaboradores, auxiliando na retenção dos talentos e no alcance das metas estabelecidas no planejamento estratégico.

Quando os colaboradores estão satisfeitos e se sentem reconhecidos e valorizados por seu trabalho, se tornam parceiros de negócios da empresa, indo além de suas obrigações e preocupando-se com o desenvolvimento da organização. Esse é o papel da gestão de equipe.

Deixe um comentário para a gente! Queremos saber a sua opinião.

Compartilhe este conteúdo:
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Veja também: